Acreditando em promessas?

Você acredita em promessas de alguém com um passado desses?
Pois a Microsoft divulgou uma promessa de não processar quem utilizar (sem sublicenciar ou pagar) as especificações para programação que ela patenteou e controla. Leia os comentários ao tal artigo também.
Dado que existem padrões alternativos gratuitos, abertos, e livres, controlados por entidades de representação coletiva, seria vantajoso aceitar tal promessa?
Depois de ler relatos como esse aqui , ou esse , lê esta lista aqui , além dos já apontados na série de artigos anteriores, você acreditaria que depois de 30 anos dessa vez será diferente?
Quais seriam as expectativas de carreira para um diretor ou gerente ingênuo?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Avaliação do Apple Smart Keyboard para iPad Pro 10.5

IPad Pro pode substituir notebook?

Casos de sucesso com Linux