Avaliação do Apple Smart Keyboard para iPad Pro 10.5

Em artigo anterior apresentei critérios de análise que levaram até a escolha de um Apple IPad Pro 10.5 Wi-Fi 256GB, com Smart Keyboard e Apple Pencil.
Como o peso do critério "notebook” frente ao critério "tablet” era menor para mim, faz sentido adotar um teclado externo no tablet.
Mas ele teria de ser destacável, pois não queria ter um notebook em peso e tamanho, que são critérios MUITO importantes para meu uso. Os seus critérios podem ter importâncias diferentes.
Então, o próprio tamanho do tablet impõe limites ao tamanho do teclado.
Se você dá mais importância a digitar mais longamente, considere testar um iPad Pro 12.9 com seu Smart Keyboard, que têm um tamanho maior e aproximado a um notebook comum.
Ajuste os pesos dos requisitos conforme seu cenário de uso.
Algumas alternativas:
Apple Magic Keyboard
Keys to go Logitech
Logitech K380
Logitech K780
Logitech K480

Procurei bastante pela internet e não encontrei teclado mais leve, mais fino, que não aumenta dimensões totais, que nem precisa parear bluetooth, não precisa bateria própria, tão rápido na digitação sem erros.
Um teclado da Logitech quase transforma num notebook em peso e tamanho, com maior curso das teclas e iluminadas, para quem preferir.
Antes de definir a compra, fui até uma loja iPlace e testei o Apple Smart Keyboard durante 1 hora para verificar adaptação ao tamanho e pequeno curso das teclas. Faça o mesmo para testar.





Ótimo não ocupar espaço na tela, automaticamente, e ter um real curso de teclas em vez do teclado virtual.
O tamanho é suficiente para minhas mãos, após uns minutos de adaptação.
O curso das teclas é pequeno, mas suficiente para prover realimentação tátil.
A textura das teclas é similar a um tecido, agradável ao tato.
O teclado é quase selado, sobrevivendo a um pouco de líquidos e sujeira, e sendo mais fácil de limpar.
Existem minúsculas aberturas de ventilação numa borda traseira. Talvez sirvam para não prender ar nas teclas durante digitação. Mas acho que o risco de servirem de entrada para líquidos e sujeira não valem a pena.
Bem, a superfície superior é selada, então ajuda bastante.
Tenho usado desde o Carnaval de 2018 e se mostrou um acessório essencial para um uso mais intenso do IPad Pro.
Reparar que para o Brasil o Apple Smart Keyboard é fornecido em padrão inglês norte-americano e você deverá configurar por software para acentuação em combinação de teclas. Faziam muitos anos que não digitava em teclados assim, até o excelente teclado mecânico Hyper-X Alloy FPS MX Brown adquirido no final de 2017 para aquele desktop gamer dual boot W10 / Debian, mas isso será outro artigo.

O ajuste inicial para idioma português brasileiro não foi tão óbvio.
Na época veio com iOS 10 e detetou como teclado inglês americano sem opção para Português (Brasil) Brasileiro Pro.
Hoje com iOS 11.4 está com as duas opções selecionadas manualmente em Ajustes > Geral > Teclado > Teclado físico .

Ocasionalmente, ainda não isolei as condições para abrir chamado de suporte Apple ou não, o teclado desconfigura para teclado inglês americano. Também pode ser um inadvertido toque na tecla "globo" que troca o teclado, que fica bem no canto esquerdo inferior. Pode ser enquanto abre a capa smart cover. Talvez. Essa tecla é o modo mais rápido de reconfigurar para português brasileiro.

O Smart Keyboard é dobrável para a posição de uso, parece um origami, e quando fechado funciona como uma Smart Cover, despertando e suspendendo o aparelho quando abre ou fecha.
Prende muito forte por magnetismo na lateral do iPad Pro e é muito bem acabada.
Não parece muito robusta e precisa ser usada e transportada com bastante cuidado para preservar. Em fóruns contam que pode abrir as laterais com uso e manuseio intenso e transporte.
Por isso depois comprei uma pasta Case Logic TS-110 para guardar tudo e maior proteção do conjunto, que abordarei noutro artigo.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

IPad Pro pode substituir notebook?

Casos de sucesso com Linux